BLOG

Saiu na Mídia: alunos classificados para a Olimpíada Mind Lab - fase nacional

A notícia da classificação de quatro alunos da Escola Fernão Gaivota - Maple Bear Alphaville para a fase presencial da 10ª Olimpíada de Raciocínio Mind Lab foi destaque em diversos meios de comunicação regional e até nacional.

Sob a supervisão dos professores Daniel Kenji e Fabio Cavalheiro, os alunos Enzo Naoki Nishimura, Heiki Saga Koike, Mariana Nunes Galvão Sant’Anna e Matheus Ivaldo do Eirado e Silva disputam a fase nacional no próximo dia 5 de maio, em São Paulo.

 

Confira a seguir os links para acessar as notícias publicadas:

Portal Estadão: https://goo.gl/d9vKP5

Portal Terra: https://goo.gl/szdZrs

Agência O Globo: https://goo.gl/M4YrTA

Jornal Folha de Alphaville: https://goo.gl/TGza64

Site Alphaville & Arredores: https://goo.gl/BVnqF6

Aluna da Escola Fernão Gaivota é finalista da Olimpíada de Química do Estado de São Paulo (OQSP)

escola fernão gaivota, fernão gaivota, maple bear, maple bear alphaville, olimpiada de quimica, euarda martins garcia, quimica, olimpiada estadual de quimica, oqsp, alphaville, escola alphaville

Mais uma vez os estudantes da Escola Fernão Gaivota - Maple Bear Alphaville são destaques em competições. Desta vez, a aluna da 3ª série do Ensino Médio, Eduarda Martins Garcia, foi classificada para a Fase Final da Olimpíada de Química do Estado de São Paulo (OQSP), que acontecerá no Instituto de Química da USP no dia 09 de junho. 

Na primeira fase da competição, realizada no final do ano passado, cerca de 2 mil alunos inscritos do Estado de São Paulo enviaram uma redação sobre o tema Biorrefinarias: Conversão de Biomassa em Produtos Químicos. A proposta da competição é fazer com que alunos do Ensino Médio busquem na disciplina de Química formas de resolver problemas cotidianos, como por exemplo: a dependência do petróleo. Importante lembrar que as biorrefinarias não apenas produzem combustíveis alternativos, mas também produzem matérias-primas que antes só seriam obtidas a partir do petróleo.

Promovida pela Associação Brasileira de Química (ABQ-SP), nesta fase final foram selecionadas as 100 melhores redações. Todos os finalistas convocados que comparecerem recebem um certificado de participação. A correção e premiação ocorrem no mesmo dia do exame e os 50 vencedores recebem medalha e, posteriormente, diploma de mérito nominal. Além disso, os melhores colocados também recebem prêmios em dinheiro. E claro, os vencedores são classificados para a Olimpíada Brasileira de Química.

“Eu recebi a notícia pelo professor Danilo e fiquei muito feliz, pois eu me preparei, dediquei horas na pesquisa sobre o tema, envolvi até a minha família na discussão do tema para que eu apresentasse uma redação relevante e que tratasse o tema e suas vantagens. Eu vivo uma imersão agora na disciplina de Química. Estou focada estudando para essa etapa final e além disso participo do projeto clube de ciências, que envolve processos químicos”, comenta Eduarda.

Além da Eduarda, também participaram da fase inicial da OQSP os alunos Catarina de Freitas Teixeira, Miriã Thrinya Madeira Miranda e Pedro Henrique Almeida Cabrera. Durante esta etapa, os alunos foram orientados pelos professores Danilo Castro Pereira e Antonio Carlos Pinho Silva, de Química e Língua Portuguesa, respectivamente.

“A partir de agora é orientar a Eduarda e prepará-la para as possíveis questões que possam cair, já que nesta fase são aplicadas questões dissertativas. Estamos confiantes e torcendo para que ela avance nessa fase e possa se classificar para a Olimpíada Brasileira de Química”, comenta o professor Danilo.

Alunos do Year 2 ao 5 assistem “Num Passe de Música”

escola fernão gaivota, fernão gaivota, maple bear, maple bear alphaville, passeio escola, num passe de musica, teatro alfa, alphaville, escola alphaville

Como parte integrante do currículo, periodicamente, os alunos da Escola Fernão Gaivota - Maple Bear Alphaville são incentivados a participarem de saídas pedagógicas culturais. No dia 18 de abril, as turmas do Year 2, 3, 4 e 5 assistiram ao espetáculo “Num Passe de Música”, exibido no Teatro Alfa, em São Paulo. 

Realizado pela Cia. Fundo Falso, “Num Passe de Música” é um espetáculo híbrido de mágica e música. Os artistas apresentam o conceito inédito de “número-canção”: canções escritas especialmente para os números de mágica. Em cena, o cantor e compositor Flavio Tris executa as canções enquanto o mágico Ricardo Malerbi interpreta os números, provocando a sensação de fusão verdadeira entre as duas artes e transcendendo as relações comuns entre encenação e trilha sonora. O espetáculo é totalmente desfrutável por crianças de todas as idades ao mesmo tempo que provocativo e instigante aos adultos. 

 

Recomendo pela Coluna “Bora Aí”, do Jornal O Estado de São Paulo

escola fernão gaivota, fernão gaivota, maple bear, maple bear alphaville, passeio escola, num passe de musica, teatro alfa, alphaville, escola alphaville

Recentemente, a coluna “Bora Aí”, do Jornal O Estado de São Paulo, publicou uma crítica sobre o espetáculo de como o show é apresentado e traz questões importantes para o desenvolvimento das crianças.

“Não dá para não vibrar com alguns números que Ricardo encena, ele é capaz de suspender a fronteira entre realidade e ilusão fazendo levitar nossa percepção, deixando adultos e crianças fascinados. Dessa forma, acontece um incrível diálogo entre a música, a mágica e o público. O espetáculo além de ser maravilhoso e impressionante toca num elemento muito presente e importante da infância: o brincar, a magia e a fantasia”, - trecho do artigo da colunista Talita Pryngler.

Confira o conteúdo completo no link: https://bora.ai/sp/blog/ilusionismo-magia-fantasia

E quem tiver interesse em assistir, o espetáculo ainda será apresentado no Teatro Alfa, neste último sábado e domingo de abril, às 17h30.

Vencedora da II Missão Vale do Silício, Camila Barros, fala de sua viagem à Califórnia

escola fernão gaivota, fernao gaivota, maple bear alphaville, vale do silicio, missão vale do silicio, foreducation, foreducation google, google for education, vencedora missão vale do silicio

Uma missão educacional que mudou de vez a vida da estudante Camila Barros, de 17 anos, aluna da 3ª série do Ensino Médio na Escola Fernão Gaivota - Maple Bear Alphaville.

No final de 2017, a Foreducation EdTech - parceira da escola na adoção da tecnologia Google for Education em sala de aula - organizou um concurso educacional, a II Missão ao Vale do Silício, tendo como prêmio uma viagem ao principal polo de inovação do mundo: o Vale do Silício, na Califórnia.

Com o tema "Como inovar em sala de aula com tecnologia Google", Camila foi a vencedora do concurso ao apresentar como proposta a ideia de levar para instituições públicas o acesso aos conteúdos de estudo online e assim, proporcionar um ensino mais igualitário entre escolas públicas e privadas.

Após seu retorno, no dia 16 de abril, a aluna ministrou uma palestra para estudantes do 8° ano do Ensino Fundamental a 3ª série do Ensino Médio sobre sua experiência durante a viagem. “Essa oportunidade foi única e agradeço imensamente à escola por investir em concursos como este que levarei por toda a vida. Minha experiência ultrapassou minhas expectativas. Conheci muitas instituições, projetos e lugares que me inspiraram e hoje mais do nunca quero por em prática esse projeto de levar acesso a conteúdos de estudo para escolas públicas”, comenta Camila.

De agora em diante, a aluna inicia o cronograma de implantação das suas ideias, com o apoio da escola e da Foreducation Edtech para avançar com o projeto.

escola fernão gaivota, fernao gaivota, maple bear alphaville, vale do silicio, missão vale do silicio, foreducation, foreducation google, google for education, vencedora missão vale do silicio

 

A Viagem

escola fernão gaivota, fernao gaivota, maple bear alphaville, vale do silicio, missão vale do silicio, foreducation, foreducation google, google for education, vencedora missão vale do silicio

Camila embarcou com 10 estudantes de outras escolas do Brasil que também venceram o concurso educacional. A viagem de nove dias pela Califórnia (de 22 a 31 de março) contou com 16 compromissos envolvendo todo o grupo.

O Vale do Silício é o ponto de partida das grandes ideias tecnológicas que revolucionaram o mundo. Os estudantes visitaram grandes companhias e universidades como o Google, Stanford University, Summit Schools, empresa Hapara e start-ups de tecnologia com foco no mercado educacional, California Academy of Sciences, Lynbrook High School, entre outras.

Além disso, conheceram metodologias de ensino inovadoras, participaram de palestras, debates, programas de mentoria e também vivenciaram uma experiência cultural engrandecedora, visitando lugares como museus e outros pontos turísticos.

“A participação da Camila foi determinante para o sucesso da missão. Por todas as instituições pelas quais passamos, referências mundiais em suas áreas de atuação, recebemos elogios sinceros quanto à participação ativa do grupo de alunos. A maturidade do grupo nos surpreendeu. Pensar Educação, nos tempo atuais, não é algo fácil. Encontramos neste grupo de alunos grandes aliados - teremos companhia nessa jornada”, comentou o time da Foreducation EdTech após o retorno do grupo.

escola fernão gaivota, fernao gaivota, maple bear alphaville, vale do silicio, missão vale do silicio, foreducation, foreducation google, google for education, vencedora missão vale do silicio

 

Entrega de certificados de participação

escola fernão gaivota, fernao gaivota, maple bear alphaville, vale do silicio, missão vale do silicio, foreducation, foreducation google, google for education, vencedora missão vale do silicio

No final do mês de março, a escola fez a entrega dos certificados de participação a todos os estudantes que se inscreveram na II Missão Educacional ao Vale do Silício, criada para alunos matriculados em escolas parceiras da Foreducation EdTech, no ano letivo de 2017. Ao todo, 28 alunos de 8° ano do Ensino Fundamental II a 2ª série do Ensino Médio participaram enviando projetos de inovação e tecnologia.

Alunos da 1ª série do Ensino Médio recebem Chromebooks

entrega_chromebooks_escola_fernao_gaivota_maple_bear_alphaville

Pelo segundo ano consecutivo, a Escola Fernão Gaivota - Maple Bear Alphaville fez a entrega dos modernos Chromebooks para os alunos da 1ª série do Ensino Médio. A ação faz parte da implementação da tecnologia no dia a dia do aluno. A entrega foi realizada no final de março e 22 estudantes receberam o dispositivo.

Uma das alunas que recebeu o equipamento foi Amanda Petrilli Teixeira, que assim como toda a turma aguardava ansiosamente: “a transição para o Ensino Médio e saber que ganharemos um Chromebook é esperada por todos os alunos. Realmente sua utilização facilita o aprendizado e torna o estudo mais ágil e compartilhado. Nós alunos utilizamos o equipamento para pesquisar e para criar resumos das aulas e nossos professores utilizam o classroom para inserir exercícios e aplicar provas online”, explica Amanda.

A escola é qualificada no programa “Google for Education” e buscou o dispositivo por ser de fácil uso, ter proteção de antivírus integrada e possuir uma bateria de longa duração. Em 2017, outros 22 alunos também da 1ª série do Ensino Médio receberam o equipamento , que continuam utilizando na 2ª série.

Para aprender sobre o uso da plataforma G Suite do Google, o corpo docente passou por treinamento ministrado pela Foreducation EdTech, parceira oficial da Google e referência, em todo o país, para projetos de integração de tecnologia em sala de aula. Para se ter ideia das funcionalidades da plataforma, todas as tarefas aplicadas em sala de aula ficam disponíveis na nuvem, facilitando o acesso de conteúdos a qualquer momento pelos alunos e professores, com rápido modelo de edição em tempo real.

É importante pontuar, que o dispositivo tem bloqueio de navegação de conteúdo impróprio e é monitorado pela instituição.